Arquivo Provincial Franciscano do Recife é inaugurado com exposição

Com o início da exposição História, Arte e Vida Franciscana, nesta quarta-feira (20/5), às 15h, o Arquivo Provincial Franciscano do Recife abre as portas para o público e revela frutos de um trabalho realizado  há nove meses em salas do Edifício Santo Antônio, no bairro de São Antônio. Neste espaço, a equipe vinha se dedicando à realização do projeto Resgate Documental da Província de Franciscana de Santo Antônio do Brasil, patrocinado pela Petrobras. Ele compreende ações de identificação, organização, higienização, catalogação e acondicionamento de um acervo vasto que abarca o período que vai do século 16 ao 19.

“A exposição é formada por obras raras, fotos, negativos em vidro, livros, manuscritos, documentos, pergaminhos. Através deste acervo, vamos falar sobre a missão franciscana no Brasil até hoje. Vamos pinçar alguns frades franciscanos que eram historiadores, fotógrafos, artistas… Não é só uma exposição de arquivo, mas uma mostra de como a trajetória, a arte e a vida franciscanas estão sendo preservadas aqui”, afirma Débora Mendes, coordenadora do projeto. O idealizador do Resgate Documental é o Frei Roberto Soares. Durante viagens a conventos que formam a Província Franciscana em estados nordestinos, o frade encontrava raridades históricas e, a partir deste contato, pensou em reuni-las em um local onde elas pudessem ser conservadas de maneira adequada.

Com o início do projeto, o arquivo baseado no Recife começou a concentrar também o que havia em Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Sergipe e Alemanha. Há muitos documentos, livros, fotos reveladas em papel, slides e negativos (de vidro ou película), além de partituras, discos de vinil, fitas cassete, obras de arte e plantas como a do próprio edifício onde está o acervo (projetado pelo arquiteto Acácio Gil Borsoi), entre outros itens.

Algumas das obras raras do período colonial brasileiro estavam em situação delicada. Elas continham veneno, aplicado no passado com o objetivo de matar insetos. Agora, foram higienizadas. Esta e as outras etapas do processo citado no início da matéria foram realizadas nas próprias dependências do Arquivo.

A inauguração da mostra é um marco da conclusão de parte do projeto, mas, em se tratando de um acervo, nesta fase de abertura, muitos desdobramentos podem surgir. “O evento de hoje é aberto ao público e a exposição permanece até o dia 19 de junho. Estamos definindo um e-mail com a Província, pelo qual os pesquisadores poderão entrar em contato e informar o assunto da pesquisa deles, para a gente marcar um horário para a visita”, adianta Débora.

Um comentário sobre “Arquivo Provincial Franciscano do Recife é inaugurado com exposição

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s